O MacGuffin: Já não vem mais nada que seja tão bom

domingo, janeiro 08, 2012

Já não vem mais nada que seja tão bom

Miguel Esteves Cardoso, Público 08/01/2012

Começa o Inverno 
"Amanhã começa um mês de verdade. É a primeira segunda-feira desde sei lá quando em que não há festas nem feriados. Só acaba lá para o fim de Fevereiro, quando ocorrem o alívio do Carnaval e a brevidade do mês. É o tempo de mais trabalho e de mais desemprego; de mais doenças e suicídios. Dezembro foi doce de clima e de quadra. A primeira semana de Janeiro, com a passagem do ano e do Dia de Reis suavizou a queda que começa amanhã.

E de que maneira. Na sexta-feira de manhã fui à procura do forno de lenha onde - no coração de uma espécie mágica de garagem gastronómica, impossível de encontrar mas perto da Capela de São Mamede em Janas, cheia de cascas de ovo e de nozes acabadas de abrir - são cozidos os bolos-rei que são preferidos pelas populações das freguesias de Colares e de São Martinho.
Eu cá sou fã do bolo-rei da Pastelaria Garrett, no Estoril, em cuja avenida, a vinte passos de casa, morámos durante dois anos. Ela, mesmo assim, prefere o bolo-rei lisboeta da Confeitaria Nacional.
A verdade, difícil de engolir para muitos, é que o bolo-rei está a melhorar. Era seco, branco e avaro. Agora é húmido, amarelo e mais rico em ovos, passas, nozes e pinhões.

Os quatro melhores acompanhamentos, acho eu, por ordem de delícia são: um chá de uma quinta menos alta do Ceilão, um Moscatel de Setúbal bom mas humilde, um café de São Tomé ou, se for caso disso - porque não? - nada. Como o mês que aí vem, já não vem mais nada que seja tão bom."

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Powered by Blogger Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado sob uma Licença Creative Commons.