O MacGuffin

domingo, fevereiro 29, 2004

TADINHA
Escreve o Luciano:

"Note-se que desde esse dia, Wolf teve uma excelente carreira académica, uma excelente carreira de articulista, uma excelente carreira de autora de livros, um casamento feliz (na confissão da própria), dois filhos e uma bela conta bancária. Será certamente um novo conceito de “espiral descendente”. Daqui resulta uma ideia triste: como este “novo” feminismo, que parecia liberto da velha conversa “vitimista” do feminismo de antanho, volta a colocar tudo no ponto de partida. Ou talvez mais atrás: antes do ponto de partida. A mão na coxa destruiu a estrutura mental da senhora? A isto não se chama vitimização. Chama-se histeria."

Não, Luciano. Chama-se "frustração"...

0 Comments:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial

Powered by Blogger Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado sob uma Licença Creative Commons.