O MacGuffin: Isto anda tudo um pouco trocado

segunda-feira, maio 16, 2011

Isto anda tudo um pouco trocado

O PS ataca o PSD. O CDS ataca o PSD. O PSD ataca o CDS. O PS elogia o CDS. No meio de tudo isto, há uma evidência claríssima: ninguém sabe o que é, ou discute, o programa do PS. O PS passeia-se alegremente pela política como se tivesse estado na oposição e como se não tivesse que explicar o seu programa e as suas intenções para os próximos anos. Quem dos céus descer à terra e aterrar, por estes dias, no virtuoso e possante quintal lusitano, deparar-se-á com o seguinte cenário: um partido herói e vitimizado apelidado de Socialista, liderado por um bravo com nome de filósofo, tenta atacar os partidos responsáveis pela bancarrota do país e pelo desgoverno dos últimos… bem, de sempre. Pelo caminho, um rapaz chamado Passos Coelho, cordato nos modos e incapaz de um berro ou de um esgar de tumulto, ladeado por um bando de tontos, tenta defender-se o melhor que pode (no essencial pouco e mal) dos ataques do bravo líder socialista. O líder do partido do Centro Democrático Social, aproveita a complacência do rapaz Passos Coelho para lhe puxar as orelhas, já que o eleitorado do dono das orelhas é, digamos, apetecível.

O que eu vaticino é simples e claro como a melhor água potável: ou o rapaz Passos Coelho prega um murro na mesa, faz voz grossa ao «grande líder» com nome de filósofo (à moda de Louçã) e explica de forma clara aos portugueses o que pretende, ou está l-i-x-a-d-i-n-h-o. E não é para começar amanhã. É ontem.

1 Comentários:

Blogger Margarida disse...

Inaudito: à saída da estação da Trindade, 'apenas' uma das mais movimentadas do burgo, um estaminé montado numa furgoneta, pejado de siglas do PS e com a 'jubentud' do costume nas macaquices habituais, clama em grandes painéis: VAMOS SALVAR PORTUGAL!
Hã?!
Como?
Eles?
... a sensação de náusea é infinda.
e o diacho da comapanha nem sequer começou (ou começou, já ninguém liga a datas e obrigações de calendário, sei lá...)
Pensar que temos de aturar isto em doses contínuas, com mentiras pavorosas, com falácias e despautérios, até ao dia 04 de Junho, é dose...
Será que teremos forças para acreditar nalgum deles no dia seguinte?
Já nem sei...

4:32 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Powered by Blogger Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado sob uma Licença Creative Commons.