O MacGuffin: Ou há moralidade

sexta-feira, outubro 14, 2011

Ou há moralidade

Ao contrário do que se irá dizer dentro de muito poucas horas – invocando-se os perigos de uma eventual caça às bruxas ou de uma suposta judicialização da política – é fundamental, para o futuro da nossa democracia, que este trabalho de apuramento de responsabilidades seja feito até ao fim, independentemente do valor probatório conducente à criminalização deste ou daquele acto. Em Portugal, a noção de ‘accountability’ continua a não deixar raízes. Não há meio dissuasor mais eficaz do que este: saber-se que as acções e decisões de quem desempenhou cargos públicos de governação ou direcção, serão passadas a pente fino. E que os responsáveis, se não julgados, serão publicamente chamados à pedra. Boa tarde também para si, Sr. Paulo Campos.

1 Comentários:

Anonymous Queixas disse...

Têm de ser apuradas responsabilidade e serem julgados todos os gestores públicos e governantes, o mesmo já acontece no privado. Embora os resultados possam ser inexistentes devido à fraca justiça portuguesa, numa democracia não pode haver 2 pesos e 2 medidas. Qualquer gestor de empresas responde hoje em dia em tribunal com o seu património... têm de haver igualdade de circunstâncias.

10:58 da manhã  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Powered by Blogger Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado sob uma Licença Creative Commons.